TV Câmara – Estudantes da rede municipal falam sobre a criação de grupo de apoio emocional

por Tatiane Souza última modificação 04/10/2019 11h22
04/10/2019 – Estudantes da Escola Municipal de Ensino Fundamental Presidente Getúlio Vargas desenvolveram um projeto que cria espaços onde os alunos podem ser ouvidos e acolhidos para compartilhar pensamentos, angústias e sonhos. Chamado de Grupo de Apoio Emocional (GAE), a iniciativa é mediada por professores e busca identificar as fragilidades emocionais e propor atividades que reforcem o valor da vida e suas múltiplas possibilidades. Para falar sobre o projeto, a professora Muriel Beatriz Rodrigues Venâncio e as alunas Giullia Beatriz Ramos Jardim e Kevylyn Yasmin Santana Schirmer participaram do programa Vitalidade que foi ao ar na última terça-feira, 1°, na TV Câmara, canal 16 da Net. A entrevista também está disponível no facebook.com/tvcamaranh e no youtube.com/tvcamaranh.
TV Câmara – Estudantes da rede municipal falam sobre a criação de grupo de apoio emocional

Foto: Kassiane Michel/CMNH

O grupo surgiu em 2017, devido ao desejo que os alunos tinham de ajudar os outros adolescentes. No início era denominado “Desmistificando a Psicologia”, já que o foco era mostrar aos participantes a importância da terapia e de buscar auxílio psicológico para lidar com problemas como ansiedade, bullying e depressão, que são comuns nesta faixa etária. Posteriormente, o grupo se tornou GAE, para oferecer um espaço de conversa e apoio aos jovens. O projeto foi idealizado pela Giullia e pelo colega Daniel Rodrigo Pause Reis quando ambos estavam no 8° ano. Para mantê-lo ativo após a saída dos integrantes para o Ensino Médio, o projeto foi deixado para a EMEF para que fosse levado adiante por outros alunos da instituição. 

A professora Muriel, responsável pela disciplina de Articulação dos Saberes, atua como orientadora do projeto. Durante a entrevista, a pedagoga apontou que, no grupo, os estudantes têm espaço para debater temas do dia a dia. A professora também falou sobre a importância dos alunos exercitarem a empatia. Segundo ela, é preciso incentivar que eles olhem para o lado e que ao ver um colega de manga comprida em um dia quente, por exemplo, indaguem se aquele adolescente está bem ou se precisa de ajuda - o índice de mutilações entre os adolescentes é muito alto. “É importante que se coloquem no lugar do outro para também poder entender ou até mesmo identificar se aquele jovem sorrindo está realmente feliz ou  está escondendo algum problema, momento de ansiedade ou depressão. Quem melhor para ajudar do que o colega que está ao lado, que vai ter aquela conversa informal, que vai se preocupar e estará ali junto?”, destacou Muriel. Giullia complementou dizendo que é normal não estar bem. “E quando isso acontecer é importante os jovens saberem que, nos momentos bons e nos ruins, eles serão apoiados e não julgados”, salientou a estudante. 

Durante o programa, as entrevistadas falaram sobre as atividades propostas pelo projeto e também sobre a importância do Setembro Amarelo, mês dedicado à prevenção do suicídio e à valorização da vida.

 Projeto reconhecido no exterior

Em 2018, os alunos foram ao Peru para apresentar o projeto. Neste ano, estão se preparando para participar de uma feira no México. "Quando voltam das viagens contagiam outros adolescentes com uma nova perspectiva de vida”, apontou. O grupo está levantando recursos para poder viajar com ações como pedágios solidários, busca de patrocínios e doações por meio de uma vaquinha online. Interessados em ajudar podem entrar em contato pelo Facebook do projeto: www.facebook.com/Grupodeapoioemocionalafavordavida 

Assista ao programa na íntegra: 

 Vitalidade 

O Programa Vitalidade vai ao ar desde 2012 pela TV Câmara, canal 16 da Net, e aborda assuntos relacionados à saúde, qualidade de vida, bem-estar e comportamento. Ele é apresentado pela jornalista Tatiane Lopes. Sugestões de pautas para serem abordadas pelo programa podem ser enviadas para o e-mail tv@camaranh.rs.gov.br.

Veja a lista completa dos Vitalidades.

* Texto de Kassiane Michel, estagiária de Jornalismo na Assessoria de Comunicação da Câmara.

 

Vitalidade

registrado em: