Rede Integrada Laço Lilás programa ações para o mês de dezembro

por Maíra Kiefer última modificação 03/12/2019 16h51
28/11/2019 - A Rede Integrada Laço Lilás realizou na quinta-feira, 28, um encontro para projetar as próximas atividades e fazer um balanço da 2ª edição do Domingo por Elas, ocorrida em 27 de outubro, no Santo Afonso. Entre as ações programadas para o próximo mês estão a realização de visita ao albergue municipal e a participação no Natal dos Sinos, no Roselândia, organizada pela Secretaria Municipal da Cultura (Secult) e prevista para o dia 11 de dezembro, a partir das 19h, na rua Aquarius, 163. Outros nove bairros serão contemplados com a atividade.
Rede Integrada Laço Lilás programa ações para o mês de dezembro

Crédito: Maíra Kiefer/CMNH

A escolha dessa localidade pela Rede Lilás se deve ao fato de a região concentrar casos de violência doméstica e abusos sexuais. A intenção das entidades é passar orientações para as mulheres sobre os caminhos para buscar ajuda enquanto as cidadãs acompanham as apresentações natalinas. O show da Oficina da Música abrirá a programação. Na sequência, haverá dança evangélica conduzida pelo Grupo Unidos para Adorar. Também sobem ao palco a Banda Olho Cósmico, o grupo independente Alvino Weber e a dupla Nei Caminhoneiro e filho. Ao término haverá teatro do Presépio Vivo. 

Presentes ao encontro realizado no Legislativo estavam a vereadora Tita (PP), atual procuradora especial da Mulher; a servidora Maria Carolina Seitenfus Hagen, da Procuradoria Especial da Mulher; Liliane Machado Kasper, coordenadora de gabinete da vereadora Tita; Glacira Eli Santos da Silva, presidente do Conselho Municipal do Idoso (CMDCI); as advogadas Ligia Beatriz Galaschi, representante da Comissão da Criança e do Adolescente da OAB/NH; Mara Eliane Peruffo da Silveira, presidente da Comissão da Mulher da OAB/NH e secretária-adjunta do Comdim; Francieli Leite, da Petry de Faria Advogados; e Claudete Schneider, do Conselho da Missão Luterana Primavera. 

Laço Lilás

Criada em 2017, a Rede Integrada Laço Lilás reúne entidades voltadas para o atendimento a vítimas de violência de gênero. Tem como meta fazer Novo Hamburgo recuar na lista de líderes de ocorrências no Estado. Com encontros promovidos na sede do Legislativo e organizados pela Procuradoria Especial da Mulher, a rede é composta pela Delegacia Especializada no Atendimento à Mulher, Brigada Militar, Patrulha Maria da Penha, Centro de Referência e Atendimento Creas/Viva Mulher, Núcleo de Apoio aos Direitos da Mulher (Nadim) e Laços de Vida, ambos da Feevale, Coordenadoria de Políticas Públicas para as Mulheres (CMulher), Conselhos Municipais dos Direitos da Mulher (Comdim) e dos Direitos e Cidadania do Idoso (CMDCI), Comissões da Mulher e da Criança e Adolescente da OAB/NH, Conselho Tutelar, Guarda Municipal e coletivos.

 

Confira as fotos na galeria de imagens.

Procuradoria Especial da Mulher