Grupo de apoio ao Vereador Mirim faz adequações técnicas às proposições dos alunos

por Tatiane Souza última modificação 18/10/2018 16h20
18/10/2018 – Na tarde desta quinta-feira, 18, nova reunião foi realizada na Câmara para tratar sobre as proposições que estão sendo feitas pelos vereadores mirins eleitos em 2018. O objetivo é analisar individualmente e fazer as adequações técnicas necessárias, preservando a ideia original do que foi proposto. Participaram a diretora da Escola do Legislativo, Maria Carolina Hagen, a coordenadora de Ensino Fundamental da Secretaria Municipal de Educação (Smed), Adriane Brevia, o assessor técnico pedagógico da Smed, Dionísio Hatzenberger, a estagiária de Relações Públicas da Escola, Pâmela Lima, o jornalista Jaime Freitas e os oficiais legislativos Artemio Friedrich, Simara Cecatto e Álvaro Santos – integrantes do grupo de apoio ao Projeto Vereador Mirim.
Grupo de apoio ao Vereador Mirim faz adequações técnicas às proposições dos alunos

Crédito: Tatiane Lopes/CMNH

Ao total, sete escolas do Município participam do projeto, cada uma com dois vereadores mirins eleitos e um suplente. Maria Carolina destacou que hoje o grupo analisou cuidadosamente 11 proposições referentes a cinco escolas. Após esse estudo, eles darão retorno aos envolvidos. “Estamos observando as questões técnicas e de constitucionalidade e estudando qual a melhor forma de apresentar a ideia do aluno, seja como requerimento, projeto de lei, indicação ou pedido de providência”, ressaltou Álvaro Santos.

As atividades serão encerradas com sessão especial no dia 6 de novembro, quando as proposições legislativas serão apresentadas em plenário.

Veja mais fotos

Saiba mais sobre o Projeto Vereador Mirim