Raizer Ferreira é eleito presidente da Câmara de Novo Hamburgo para 2021

por Luís Francisco Caselani última modificação 01/01/2021 23h03
1º/01/2021 – Após a cerimônia de posse dos novos vereadores de Novo Hamburgo, realizada na tarde desta sexta-feira, dia 1º, a Câmara deu início à escolha dos quatro parlamentares que comporão sua Mesa Diretora em 2021. Raizer Ferreira (PSDB) foi eleito por unanimidade o primeiro presidente da 18ª Legislatura. A chapa única teve como vice o emedebista Gerson Peteffi, que volta a ocupar uma das duas cadeiras mais altas na hierarquia legislativa do município pelo terceiro ano consecutivo. O primeiro-secretário Cristiano Coller (PTB) e a segunda-secretária Tita (PSDB) completam o quarteto.
Raizer Ferreira é eleito presidente da Câmara de Novo Hamburgo para 2021

Foto: Daniele Souza/CMNH

Em seu primeiro mandato, Raizer Ferreira será o representante legal da Câmara ao longo do ano, com competências tanto legislativas quanto administrativas. Em discurso breve e conciliador, o novo presidente agradeceu o voto e a confiança de cada vereador. “Eu me coloco aqui num compromisso para que possamos fazer um ano legislativo tranquilo, ouvir a população e trazer soluções para o nosso município. Esse é o compromisso que fizemos quando passamos pelas eleições”, afirmou.

Integrante do alto escalão do governo Fátima Daudt no último quadriênio, Raizer também falou sobre a importância de ser um elo entre Câmara e Prefeitura. “Mesmo sabendo da independência dos poderes, quero construir essa relação com o Executivo para que as propostas de lei que chegarem aqui, ou as que enviarmos, sejam realmente efetivas e possam surtir efeito à nossa sociedade”, antecipou. “Não desenvolveremos nosso trabalho sozinhos. Faremos esta gestão compartilhada com todos vocês, para que a Casa possa ser cada vez mais vista com seriedade pela sociedade”, concluiu o novo presidente do Legislativo.

Leia também: - Posse dos novos vereadores dá início à 18ª Legislatura de Novo Hamburgo

- Prefeita Fátima Daudt toma posse para seu segundo mandato em solenidade na Câmara

Mesa Diretora

A Mesa é o órgão diretivo da Câmara de Vereadores, a quem cabe sua administração e gestão financeira. Apenas seus integrantes podem propor a criação de cargos necessários ao bom andamento do Legislativo, bem como a fixação ou alteração de vencimentos e subsídios. Também é de sua responsabilidade a elaboração da proposta orçamentária da Câmara para o ano seguinte. A Mesa Diretora se reúne regimentalmente com os líderes de bancada todas as segundas-feiras, 30 minutos antes da sessão, a fim de deliberar sobre a Ordem do Dia das reuniões plenárias da semana e sobre assuntos gerais da Casa.

Confira a lista com todos os vereadores que ocuparam a Presidência da Câmara.

Comissão Representativa

Durante a sessão solene, também ficou definida a Comissão Representativa, que atuará até o final do recesso parlamentar, no próximo dia 31. Entre as atribuições do grupo estão o zelo pelas prerrogativas do Poder Legislativo e pela observância da Lei Orgânica, a convocação extraordinária da Câmara, a concessão de autorização para que a prefeita se ausente do Município por mais de 15 dias e a tomada de medidas urgentes de competência do Parlamento. Integram a comissão o presidente Raizer Ferreira e os vereadores Enio Brizola (PT), Felipe Kuhn Braun (PP), Fernando Lourenço (PDT), Gerson Peteffi (MDB), Gustavo Finck (PP), Tita (PSDB) e Vladi Lourenço (PSDB).

Líderes de bancada

Ao final da solenidade também foram indicados os líderes de cada bancada. Além de se reunirem semanalmente com a Mesa Diretora, os representantes dos partidos com cadeira na Câmara também têm espaço de fala assegurado nas sessões. A liderança da maior bancada do Legislativo, formada pelos quatro vereadores do PSDB, ficou com Vladi Lourenço. Felipe Kuhn Braun (PP), Fernando Lourenço (PDT), Ito Luciano (PTB) e Sergio Hanich (MDB) foram os indicados entre os membros de seus respectivos partidos. Enio Brizola (PT) e Lurdes Valim (Republicanos), representantes únicos de suas legendas, completam a lista.

Comissões permanentes

Tradicionalmente, a Câmara de Novo Hamburgo define a composição das comissões temáticas para o primeiro ano de legislatura justamente durante a cerimônia de posse dos vereadores. No entanto, no objetivo de diminuir a duração da solenidade e evitar maior exposição dos presentes às possibilidades de contágio com o novo coronavírus, os parlamentares concordaram em adiar a formação dos colegiados para a primeira sessão ordinária do ano, prevista para 1º de fevereiro. Além das oito comissões permanentes, também ficou postergada a definição do Conselho de Ética e Decoro Parlamentar.