Novo Hamburgo deve receber instalações da Universidade La Salle até outubro

por Luís Francisco Caselani última modificação 30/06/2021 17h47
30/06/2021 – Gestora do polo de educação à distância da Universidade La Salle em Estância Velha, Ana Paula Pereira fez uso da tribuna da Câmara de Novo Hamburgo durante a sessão desta quarta-feira, 30. Ana Paula apresentou a proposta pedagógica e os serviços oferecidos pela instituição de ensino na região. Durante sua fala, a gestora também antecipou que Novo Hamburgo deve receber instalações da universidade até o mês de outubro.
Novo Hamburgo deve receber instalações da Universidade La Salle até outubro

Foto: Moris Mozart Musskopf/CMNH

“Estamos muito felizes com a oportunidade de atender a comunidade hamburguense. Fundada em Canoas, a Universidade La Salle integra uma rede de educação presente em mais de 80 países e que é marcada pela qualidade, excelência e uma educação com significado”, contextualizou. Presidente da Comissão de Educação da Câmara, Felipe Kuhn Braun (PP) destacou a importância da divulgação dos serviços oferecidos pela instituição por garantirem mais uma possibilidade de formação aos cidadãos hamburguenses.

Ensino à distância

Dados apresentados em 2019 pelo Censo da Educação Superior, conduzido pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), apontam que cursos à distância já concentram mais de 28% das matrículas de graduação no país. “Isso antes mesmo da pandemia. O mundo vem mudando, e a educação também está em constante transformação”, afirmou Ana Paula.

A gestora finalizou seu pronunciamento destacando a qualidade do ensino à distância idealizado pela instituição. “Todo o material da Unilasalle, tanto na modalidade EAD como na semipresencial, é feito pelos próprios professores da universidade. Não é um material comprado pronto. Os alunos têm encontros ao vivo com o seu professor. A universidade compreendeu que, para algumas pessoas, a educação à distância é vista como uma facilidade”, acrescentou.

Tribuna Popular

Durante as sessões ordinárias, pessoas previamente inscritas também têm direito à fala, por meio do expediente da Tribuna Popular. As inscrições devem ser feitas junto à Secretaria da Casa, no terceiro andar, a partir do preenchimento de uma solicitação. As datas serão estabelecidas conforme disponibilidade de agenda.

registrado em: