Moção manifesta repúdio ao pacote de medidas proposto pelo Estado

por Jaime Freitas última modificação 27/11/2019 17h42
27/11/2019 – O vereador Enfermeiro Vilmar (PDT) apresentou moção de repúdio ao pacote de medidas elaborado pelo governador do Estado, Eduardo Leite, que inclui alterações em benefícios do funcionalismo público gaúcho. O parlamentar ressalta que a reforma atinge e desmotiva professores, policiais, agentes penitenciários e demais servidores. O texto foi aprovado por unanimidade durante a sessão desta quarta-feira, 27.
Moção manifesta repúdio ao pacote de medidas proposto pelo Estado

Foto: Tatiane Lopes/CMNH

Vilmar salienta a importância do trabalho prestado pelos funcionários e critica a retirada de direitos e as modificações nos planos de carreira. “Esses servidores são merecedores dos benefícios adquiridos ao longo de suas vidas profissionais. Acabar com os direitos adquiridos desmotiva o funcionalismo público e pode afetar diretamente o desempenho dos profissionais que se dedicam todos os dias, muitos com meses de salários atrasados, mas que ainda não desistiram de suas batalhas diárias”, reforça o vereador.

A Moção nº 34/2019 será encaminhada ao gabinete do governador Eduardo Leite.


O que é uma moção?

A Câmara se manifesta sobre determinados assuntos – aplaudindo ou repudiando ações, por exemplo – por meio de moções. Esses documentos são apreciados em votação única e, caso sejam aprovados, cópias são enviadas às pessoas envolvidas. Por exemplo, uma moção louvando a apresentação de um projeto determinado no Senado pode ser enviada ao autor da proposição e ao presidente daquela casa legislativa.

registrado em: