Câmara manifesta repúdio a ato de racismo em fila da vacinação contra a Covid

por Luís Francisco Caselani última modificação 18/10/2021 20h53
18/10/2021 – Os vereadores hamburguenses aprovaram por unanimidade nesta segunda-feira, 18, moção de repúdio elaborada pelo presidente Raizer Ferreira (PSDB) a ato de racismo envolvendo um idoso de 74 anos contra uma estagiária da Prefeitura durante o drive-thru de vacinação contra a Covid-19, na Fenac. O caso aconteceu no último dia 6. A vítima registrou ocorrência de injúria racial junto à Polícia Civil.
Câmara manifesta repúdio a ato de racismo em fila da vacinação contra a Covid

Foto: Jaime Freitas/CMNH

Conforme relatos, a jovem de 18 anos fazia o cadastro na fila de automóveis quando informou ao idoso que ele ainda não estava apto à terceira dose. Em resposta, o homem teria solicitado ser atendido por uma pessoa “branca”. “Este fato é profundamente lamentável e chama a atenção para a necessidade urgente de discutirmos mais profundamente o racismo e toda e qualquer forma de discriminação, além da realização de atividades educativas, sem perder de vista os processos e possíveis desdobramentos punitivos. Não podemos tolerar o questionamento de identidade étnica em pleno 2021”, defende Raizer Ferreira.

A Moção nº 89/2021 será encaminhada à Secretaria Municipal de Saúde, com o pedido de que seja endereçada à estagiária como forma de apoio. “Solidarizo-me com todos que têm sofrido algum tipo de constrangimento e discriminação e reafirmo o compromisso com a promoção da igualdade étnico-racial e de todos os grupos sociais historicamente discriminados neste país”, prossegue o autor. A moção recebeu as assinaturas de todos os parlamentares presentes.

Felipe Kuhn Braun (PP) destacou que o caso demonstra o quanto o Brasil ainda precisa compreender e conviver melhor com sua pluralidade cultural. “Somos um país miscigenado há muito tempo. A maioria da nossa população tem origem africana, negra. O certo seria que situações como essa jamais existissem, então precisamos cobrar punição para esse cidadão e que a estagiária receba todo o acompanhamento possível”, solicitou o vereador.

“Os crimes de racismo não acontecem apenas em outros países. Eles também estão bem presentes aqui. O racismo precisa ser combatido em todos os espaços. Não podemos mais tolerar rompantes autoritários e discriminatórios”, corroborou Enio Brizola (PT). “Até quando as pessoas se manifestarão desta maneira?”, questionou Ito Luciano (PTB).

O que é uma moção?

A Câmara se manifesta sobre determinados assuntos – aplaudindo ou repudiando ações, por exemplo – por meio de moções. Esses documentos são apreciados em votação única e, caso sejam aprovados, cópias são enviadas às pessoas envolvidas. Por exemplo, uma moção louvando a apresentação de determinado projeto no Senado pode ser enviada ao autor da proposição e ao presidente daquela casa legislativa.

registrado em: