Comissões se reunirão com Prefeitura e Guarda Municipal para pedir mais segurança no Parque do Trabalhador

por Luís Francisco Caselani última modificação 11/10/2017 18h35
11/10/2017 – As Comissões de Segurança Pública e de Educação, Cultura, Desporto, Ciência e Tecnologia (Coedu) realizaram reunião conjunta no início da tarde desta quarta-feira, 11 de outubro, para conversar com a comunidade escolar da Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEI) Branca de Neve sobre problemas de segurança enfrentados desde a saída de guarda municipal residente no Parque do Trabalhador há mais de dois meses. A escola, que fica junto ao espaço público, foi assaltada em setembro, quando foram levados aparelhos eletrônicos, televisor e dinheiro em espécie.

O aluno Davi Glaser, 5 anos, foi incumbido de mostrar aos integrantes das comissões fotos das ocorrências na escola. Sua mãe, Carolina, que já havia trazido a pauta para a Coedu, solicitou a retomada do antigo panorama de segurança. “Pedimos encarecidamente um novo guarda, que cuide de toda a região. Temos todo o entorno do parque que precisa de cuidados”, salientou. A moradora Sabrine Ulguim, também mãe de aluno da EMEI Branca de Neve, corroborou o pedido de Carolina. “O parque se tornou um local de descarte de bens inutilizáveis. O lugar é escuro, tem iluminação muito precária. Por isso, temos receio de andar pelos arredores, que é cheio de entradas e saídas que facilitam a ação de ladrões”, acrescentou. Os pais alegam que a presença de um guarda inibiria assaltos e depredações, restituindo a tranquilidade até mesmo para levar e buscar as crianças na escola.

O presidente da Comissão de Segurança Pública, Enio Brizola (PT), contou que existem melhorias previstas para o local. “Há projetos vigentes para que as pessoas se apoderem do parque, como uma obra da instalação de um centro de esporte e lazer, que ajudará bastante”, argumentou. O parlamentar sugeriu ainda a convocação da Secretaria Municipal de Segurança e a direção da Guarda Municipal para que compareçam a reunião dos grupos parlamentares a fim de buscar alternativas à situação.